A importância de um método padronizado para cabeamento estruturado

A importância de um método padronizado para cabeamento estruturado

O cabeamento estruturado é um sistema que permite a estruturação de redes de computadores e telefonias mais robustas, de maneira muito mais eficiente e organizada quando comparado a outros sistemas (como point-to-point).

Para entender a importância de um método padronizado para cabeamento estruturado, vamos entender como funciona o sistema de cabeamento estruturado.

O que é o cabeamento estruturado

Diferente das estruturas convencionais, o cabeamento estruturado não é elaborado a partir de uma estrutura point-to-point, (na qual os cabos realizam ligações únicas, de um componente para outro) mas todas as ligações partem de uma única central de distribuição.

Todos os componentes são ligados a uma central chamada MDA (Main Distribution Area). Isso facilita a identificação e reparo de possíveis falhas.

O cabeamento estruturado possui alguns subsistemas, os quais devem ter suas particularidades levadas em consideração durante a implementação. São eles:

– Entrada: A entrada do edifício, ponto em que a rede externa se conecta com a rede externa;

– Sala de equipamento: onde servidores e demais equipamentos necessários para manter a rede ativa são acondicionados.

– Sala de telecomunicação: onde se concentram os cabos e demais equipamentos que serão conectados a cada área de trabalho.

– Cabeamento horizontal: Cabeamento que interliga as áreas de trabalho à rede;

– Área de trabalho: onde se localizam telefones, computadores e demais equipamentos que serão utilizados. Aqui são realizadas as operações que requerem os serviços da rede.

– Backbone: cabeamento que conecta os subsistemas entre si.

A instalação de um sistema de cabeamento estruturado permite que sejam utilizados diferentes tipos de cabos como coaxial, fibra ótica, ou cabos de cobre retorcido.

A importância de um método padronizado

Apesar de ter um custo de implementação um pouco mais elevado quando comparado às estruturas convencionais, o cabeamento estruturado oferece inúmeras vantagens.

Como a estrutura é segmentada e todas as conexões partem de um único ponto, é mais fácil realizar a identificação e o reparo de falhas. Além disso, o cabeamento estruturado permite que sejam realizadas mudanças e alterações de layout de maneira simples e flexível, oferecendo uma estética limpa e agradável, praticamente sem cabos à mostra.

Entretanto, sem a adoção de um método padronizado, as vantagens do cabeamento estruturado são praticamente anuladas. Isso porque a padronização é que oferece toda a flexibilidade na implementação e nas possíveis mudanças de layout ou desmontagem.

Cabe ressaltar que o cabeamento estruturado requer, desde sua concepção, padronização e sua instalação deve ser realizada por uma equipe especializada, de preferência que conte com profissionais certificados pelo Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura. Isso porque há uma série de normas e regras, e as principais referências são a TIA (Telecommunications Industry Association), o EIA (Eletronic Industries Alliance) e as normas brasileiras definidas pela NBR.

A instalação adequada, que aplica os métodos padronizados, garante a maior durabilidade da estrutura (a vida útil pode chegar a 25 anos), facilita sua manutenção e gerenciamento, garante o bom desempenho da rede e oferece flexibilidade e economia de tempo na alteração de layouts e/ou mudanças definitivas.

Gostou do nosso artigo? Para mais conteúdos, continue acompanhando nosso blog.

Contato comercial

endereço R. da Alfândega, 81 - 3o Andar
Centro, Rio de Janeiro - RJ
CEP 20070-004
e-mail comercial@ghwesco.comtelefone 21 2131-7662

© GHWesco 2021 - Todos os direitos reservados

Quer saber mais? Fale com um consultor